Quarta-feira, 3 de Novembro de 2004

A Caça já Era!

dog_running.gif


Este ano, pouca caça há.


É cada vez pior, já nem vale a pena tirar a licença, dizem os caçadores. Como se deixou degradar a situação? Como foi possível, que as novas leis que viriam fazer da caça um recurso turístico a não desprezar, se tornaram o certificado de óbito?


Como é possível um concelho como Chaves, não ter na autarquia alguém capaz de organizar um programa de ordenamento cinegético no concelho? O que é feito do concelho municipal de Cinegética?


Os recursos estão a ser destruídos e não são só os coelhos e "recos bravos" que vão desaparecer. Com eles serão arrastado todos os que tal proporcionaram.


Viva o "reco bravo"!


(não confundir com porcos mansos pintados)

publicado por chaveslivre às 01:21
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De Anónimo a 4 de Novembro de 2004 às 18:19
Ausente por um período de tempo no estrangeiro, não pude visitar o blog.
Alvíssaras, não é que o cacará sanguinolento, amigo da mentira, profeta da desgraça, mentor de ideias alheias, cobarde nas afirmações (então as bocas verrinossas? então a bolsa de valers?, enfim, tantos textos escritos com heterónimos que saem das veias de tal profeta? não é isso cobardismo?) deu à costa? Então os processos todos perdidos em tribunal? Vossa excelência já pensou que com atitudes vergonhosas, MENTIROSAS, BAIXAS, RELES, COBARDES, distribui argumentos? E o pior é que com isso ainda vai ganhando algum dinheiro. Terão de fazer as pessoas, como já lhe fizeram a si na esquina do café politíco? O quê? Apertar-lhe os ...?
Saiba vossa excelência que infelizmente a CALÚNIA É COMO O CARVÃO. NÃO QUEIMA MAS SUJA.
Tenha vergonha, reduza-se à insignificãncia da sua existência. Deixem trabalhar quem trabalha? LEMBRA-SE? Era um dos do partido que vossa excelência baixou as calças, a troco de quê? Não me faça falar. Há quanto a não assinar, quem tem telhados de vidro não deve atirar pedras, porque se elas reflectirem, vossa excelência nem no século XXII saíria da prisão. Isto se todas as pessoas que vossa excelência maltratou, e ainda maltrata, sob a capa de umas competentíssimas jornalistas, o processassem.
Por último perdoa-me administrador do Blog, mas são estas pessoas que não deveriam aqui estar, pois quem se vende a troco de, seja lá o que for, não tem honra nem dignidade para aqui andar. SABERÁ ELE O QUE É HONRA E DIGNIDADEchaves2003
</a>
(mailto:chaves2003@sapo.pt)
De Anónimo a 4 de Novembro de 2004 às 15:47
Oh malta vamos mas é olhar para o que o padre do largo de camões anda a fazer, e não dar importância ao que é acessório.
Temos é de olhar também para esse Neves porque ao que parece anda a comer cabritos com os amigos à pala da junta, e pensa que faz dos outros palermas.
abade
</a>
(mailto:abade@ppd.pt)
De Anónimo a 4 de Novembro de 2004 às 13:53
Realmente quando as critícas são mordazes e certeiras (mesmo que em nome pessoal)a tendência é e será sempre a de as adjectivar de "ataques pessoais"; a verdade é que se apanha mais depressa um mentiroso que um coxo. Quereis prova mais provada do que a mansidão com que o dito "jornalista" trata os assuntos relativos à câmara actual?.Em tempos idos de concórdia editorial o dito cujo atacava ferozmente a câmara branco teixeira (aliás com toda a razão e mérito)e agora, nada, mudo que nem um calhau, e se há razão para falar é agora, mas no entanto népia, vá-se lá saber porquê. Quanto à cobardia vou-te dizer (porque sei que a tua curiosidade é bem maior do que tu e vais voltar a ver o blog)ó meu emérito jornalista régulo do jornalismo regional e não só, que não assino o que escrevo porque, tal como tu, sou um teso e não tenho dinheiro para andar em tribunais (como tu gostas)a provar as verdades que digo. Ao contrário da tua pessoa, não tenho amigos que tenham herdado fortuna e assim me possam subsidiar os processos nos tribunais.
A absolvição dos homens não se ganha, conquista-se, e essa, no que te diz respeito, nem que rezes pais-nossos por toda a tua vida, a terás.
AménJoão XXI
</a>
(mailto:vaticona@ppd.pt)
De Anónimo a 4 de Novembro de 2004 às 11:55
J.B.Cesar

Como é regra nos Blogs, não se devem retirar os comentários que, quem consulta, entenda efectuar.
Isso não significa, de modo algum, que os mesmos correspondam ao pensamento do administrador do Blog.
Assim, apenas quero pedir, para não se utilizar este espaço de livre expressão, para ataques pessoais.
Só pretendemos a discussão de ideias e medidas de política para a cidade e o concelho. Tudo o resto não tem, para nós, relevância.
Será pensada a possibilidade de, para o futuro, retirar comentários que não se enquadrem nesta orientação, mesmo contrariando os principios que devem nortear a participação em blogs.Blogmaster
</a>
(mailto:fchavesmelo@sapo.pt)
De Anónimo a 4 de Novembro de 2004 às 00:36
Frei Tomás
Os cobardolas que não têm tomates para assinar uma simples opinião, permitem-se, assim, cantarolar as mentiras que lhes vêm à cabeça. E querem uma prova de que tudo o dito ali em cima é mentira(tirando o facto de, realmente, continuar teso)? É que o moncoso que escreveu tais alarvidades jamais as escreverá num sítio decente e com a sua identificação por baixo.
E para ti, Xico Melo, louvo-te a iniciativa, mas devias saber imunizar-te das pragas dos anónimos. Que, aliás, poderão agora responder o que bem entenderem, porque vão ficar a falar sozinhos. Nunca mais visitarei este teu blogue.
Um abraço deste que pode ter muitos defeitos, mas que assina sempre o que escreve.J. B. César
</a>
(mailto:jbcesar@jbcesr.com)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2004 às 21:59
Boas
Venho aqui visitar o teu blog, e acho que está muito bom.
Fica a promessa que virei visitá-lo mais vezes, para comentar ou apenas visitar.
Gostaria que quando poderes visites o meu blog, e que de futuro comentes ou apenas o visites. Obrigado, aguardo a tua visita.
http://opiniaoblog.blogs.sapo.pt
Skynet36
</a>
(mailto:Skynet36@sapo.pt)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2004 às 21:44
Bem prega Frei Tomás...
Ó meu gabirú dos quatro costados, então tu meu herege de barraca de feira já apareces a comentar blogs da oposição?.Não eras tu que quase estivestes para ser mais um dos beija-mão do padre degenerado e à última da hora foste relegado para as calendas da tua insignificância?. Sabes, meu rapaz no ppd são mais finos que no ps. Aos do ppd prometeste-lhes boas loas no teu jornal a troco de tacho seguro (que bem falta te faz uma vez que estás teso que nem um virote)e eles no acerto de contas mandaram-te dar uma volta ao bilhar grande. No ps não, são gente de palavra, perdoaram-te a prisão a troco de não chateares o Tamiro e cumpriram. Lembras-te daquela assembleia geral da cooperativa em que ameaçastes toda a gente(lixandre, tamiro, montalvão, chico etc.)com a revelação de factos que os comprometeriam política e criminalmente, se não perdoassem os processos que havia contra ti em tribunal ?. Os rapazes cumpriram não cumpriram?. E tu que fizestes?, à última da hora não cumpristes com a totalidade do acordado pois não ?.
Devias ter vergonha e meter a viola ao saco, sabes que há coisas que ainda não estão olvidadas e, a bem dizer, ainda podem dar que falar e, nesse caso nem a loja maçónica a que pretences te poderá valer(como da última vez aliás). Juizo não bola e que Deus te absolva de todos os teus pecados. Perdoai-lhe Jesus que eles não sabem o que fazem. AménJoão XXI
</a>
(mailto:Vaticona@ppd.pt)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2004 às 16:55
A caça, assim como muitas outras coisas, não se resolve no âmbito do concelho. Quando muito poderia ser de jurisdição regional. Mas, para isso, assim como para muitas outras coisas, teríamos de possuir uma região. Talvez a de Trás-os-Montes e Alto Douro, que bem poderia ser uma realidade se o beato Guterres tivesse cumprido com o que nos veio prometer antes de ser eleito e, depois, não tivesse enviado o tema na gaveta!...

J. B. César
(http://www.jbcesar.com)
(mailto:jbcesar@semanariotransmontano.com)

Comentar post