Domingo, 10 de Outubro de 2004

Questionário.

1 - Como nos últimos três anos o governo não decretou aumentos nos ordenados dos funcionários públicos, as despesas com pessoal na Câmara Municipal, medraram aproximadamente 1 milhão e 400 mil euros (280 mil contos) porque:

a) a câmara decretou aumentos sem autorização legal;
b) pelo excesso de trabalho as horas extraordinárias foram mais que muitas;
c) os funcionários passaram todos a chefes e directores ganhando mais;
d) foram contratados 80 novos funcionários a ganhar uma média de 1250 euros mês;
e) foram contratados 140 novos funcionários a ganhar uma média de 750 euros mês;
f) as alíneas c e d
g) nenhuma das alíneas anteriores
h) outros (?)
publicado por chaveslivre às 22:41
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 11 de Outubro de 2004 às 21:14
Gostei da nota.
Diria mesmo que quem fez a questão não pensava obter uma resposta de nível idêntico.
Não haja duvida de que o mistério ficou quase resolvido.
Mas temo que haja mais qualquer coisinhalérias
</a>
(mailto:lérias@hotmail.com)
De Anónimo a 11 de Outubro de 2004 às 18:10
Certamente que este inquérito devia ser colocado aos qualificadíssimos funcionários que a nossa vestuta administração autárquica contratou. Senão vejamos:
Todos eles foram admitidos em concursos...
Todas as regras de concurso eram sabidas de antemão...
A publicação dos critérios ficou sediada na av.ª Ten Valadim...
Os teste psicotécnicos foram avaliados por pessoas com elevada experiência no ramo (pudera com tantas pessoas que meteram)...
Critérios académicos... para quê? que é isso?
Por fim a parte da entrevista, quem melhor que alguém ligado ao turismo... para a fazer, sim porque de conversa fiada está a RAT Cheia...
Last but not least, certamente que contribuiram para baixar a taxa de desemprego no Concelho. Calma, num jornal semanal do nosso burgo, li que essa taxa tinha subido! Como é possível! Já sei é que os números oficiais da autarquia não correspondem minimamente à verdade. Bem só faltava agora dizerem que têm pessoas na autarquia que tiveram de ir aprender a fazer contas para Lisboa, em cursos financiados por quem, por quem? Claro pela autarquia.
" O que faz falta é animar a malta, o que faz falta..."chaves2003
</a>
(mailto:chaves2003@sapo.pt)

Comentar post